Como-sua-ONG-pode-planejar-ações-de-divulgação-e-captação-de-recursos-durante-e-após-a-Pandemia
Conteúdo para ONGS

Como a sua ONG pode divulgar as suas ações e angariar recursos durante e após a Pandemia

A Pandemia de Covid-19 apanhou o mundo de surpresa e obrigou todos os sectores a uma paragem forçada e sem precedentes.

Se já era difícil para o sector social angariar fundos para as suas causas, com a pandemia esta tarefa tornou-se ainda mais complicada, já que durante meses todas as atividades e eventos de solidariedade foram cancelados e o aumento do desemprego e a incerteza quanto ao futuro, diminuíram o número de doações. Algumas ONGs tiveram mesmo que encerrar por não conseguirem comportar os custos.

Com uma depressão económica global a ameaçar os próximos anos é muito importante que as ONGs se preparem e planeiem estratégias para a sua sobrevivência.

Neste artigo vamos mostrar-lhe algumas formas de planear e divulgar as suas ações para conseguir angariar fundos durante e após a pandemia.

O que é o planeamento organizacional para ONGs

O planeamento organizacional para ONGs é uma ferramenta de gestão que ajuda a traçar metas e objetivos, define ações e estratégias para ajudar as causas sociais (como aumentar os fundos e apoiantes) e determina qual será o caminho para o futuro da organização.
Através deste planeamento é possível prever cenários futuros e adaptar a estratégia para atingir os objetivos. 

Da mesma forma, ter um plano promove a harmonia na ONG e garante que todos estão comprometidos com o propósito e resultados definidos.

Porque é importante o planeamento organizacional para ONGs 

Planear a forma como a ONG se vai organizar, posicionar, divulgar a sua causa e ações para alcançar apoiantes e parceiros é fundamental para o seu crescimento e visibilidade, mas em tempos de pandemia torna-se numa questão de sobrevivência. Com tantas mudanças num curto espaço de tempo e um futuro sem certezas, só as ONGs que se reorganizarem e planearem cuidadosamente os seus próximos passos vão conseguir navegar pelas consequências desta pandemia e conseguir alcançar os seus objetivos.

É através do planeamento organizacional que as ONGs podem prever cenários, definir metas e elaborar estratégias e ações para as alcançar. 

Além disso, é uma ferramenta que ajuda a:

  • Gerir de forma fácil e eficaz

As ONGs que fazem planeamento organizacional têm uma direção definida que ajuda os gestores nas tomadas de decisão. Com uma estratégia definida, é muito mais fácil gerir os recursos financeiros e humanos e decidir o que deve ser feito no dia-a-dia para se atingirem as metas traçadas.

  •  Evitar perder tempo e dinheiro

 Ter um plano delineado evita que se perca dinheiro em ações que não geram retorno e que os colaboradores percam tempo em trabalhos desnecessários.

  • Manter um saldo financeiro positivo

O planeamento deve incluir a parte financeira para que os gastos sejam controlados e distribuídos de acordo com os objetivos traçados. Isso evita gastos ou investimentos irrefletidos que se podem revelar danosos e colocar em perigo o futuro e viabilidade da ONG.

Tipos de planeamento organizacional para ONGs

Um planeamento organizacional eficiente deve incluir todas as áreas da organização.

1. Estratégica

O planeamento que define os principais objetivos e o caminho que devem seguir para crescer e que analisa as oportunidades da ONG e o cenário em que está inserida. É um planeamento a longo prazo. 

2. Táctico

O planeamento tático define que estratégias, recursos humanos e financeiros vão ser usados para o alcançarem as metas a médio prazo. 

3. Financeiro

O planeamento que organiza os recursos financeiros da ONG, onde é feito um diagnóstico da situação atual e são criadas novas estratégias e metas, tendo sempre em mente o controlo de custos. Este tipo de planeamento deve ser revisto periodicamente para que os gastos, investimentos e resultados estejam sempre alinhados para o sucesso da organização.

4. Operacional

O planeamento operacional coloca o plano em prática no dia-a-dia e define as tarefas, prazos e fluxo que devem seguir para que o trabalho seja eficiente e se atinjam os objetivos propostos. É um planeamento a curto prazo para todas as áreas da ONG e inclui a definição de tarefas, prazos e cronogramas para garantir uma execução eficiente de todas as atividades da empresa.

Como planear ações de divulgação e angariação de recursos

Em tempos de Pandemia os desafios são maiores. Siga estas dicas para conseguir um planeamento organizacional para ONG de sucesso.

  • Preveja uma nova realidade

Antes de planear e delinear estratégias é importante fazer uma análise e ver o que mudou e como se devem adaptar a esta nova realidade. Pelas notícias que nos chegam do mundo, várias cidades que tentaram retomar as suas atividades  tiveram que voltar atrás e adoptar medidas mais exigentes para colmatar novos surtos de Covid-19. A possibilidade de surgirem novas vagas da doença é, ainda, uma realidade muito presente.

Quando a situação estiver mais estabilizada, não espere que tudo volte ao normal. Esta pandemia global é uma situação nova e inesperada e é impossível prever todos os seus efeitos. Alguns setores serão mais afetados do que outros, mas nenhum ficará inócuo à passagem do Covid-19.

  • Adapte o seu produto

Nestes últimos meses, muitas empresas fecharam ou tiveram que adaptar os seus produtos e públicos a esta nova realidade para sobreviverem. É um bom momento para se adaptar ou criar algo novo e relevante para a sua ONG. Pode, por exemplo, vender vouchers de doações ou angariar fundos através de crowdfunding online para sobreviver a este momento. 

Muitas ONGs concentraram os seus esforços no fabrico de máscaras sociais e passaram a vender os seus produtos online para continuarem a angariar fundos para as suas causas. No entanto, o mercado das máscaras pode deixar de fazer sentido a longo prazo e com as vendas concentradas em plataformas online, a existência de locais físicos para vender os seus produtos, pode, também, ser desnecessária.

Avalie o momento e qual o caminho que deve seguir para se adaptar, mas nenhuma decisão deve ser tomada de forma definitiva neste momento de grandes incertezas. 

  • Não deixe de comunicar

Embora agora não seja possível realizar as ações e eventos solidários onde costumavam estar em contacto com o público, isso não significa que devem deixar de comunicar.

As redes sociais são uma forma simples e económica de manter o público interessado na sua causa, nas atividades que vai realizando online ou que implementará num momento de retoma à normalidade.

Aproveite para escutar e conhecer melhor o seu público e adaptar o seu tom ao momento. Este período de confinamento levou a uma introspeção e reavaliação de prioridades e muitas pessoas encaram, agora, a vida de uma nova forma e valorizam coisas diferentes. 

  • Procure novos apoiantes e investidores

É importante manter-se conectado com quem apoia a sua causa, mas este momento pode ser vantajoso para procurar novos apoiantes e investidores. Procure novos leads e tente criar uma nova rede de contactos para direcionar as suas ações quando for possível voltar ao ativo.

  • Crie ações de marketing sensíveis ao momento

As campanhas de marketing são uma boa forma de mostrar que a sua ONG está no activo e pronta a receber doações para as suas causas. Aposte em produtos e ações que sejam úteis e façam sentido no momento que atravessamos, principalmente se acontecerem durante a pandemia.

Estes são tempos difíceis, mas com planeamento organizacional a sua ONG estará preparada para ultrapassar todos os novos desafios. Assista ao vídeo do nosso webinar Captação de recursos em tempos de crise para saber como aumentar a angariação de fundos para as suas causas.

Share via
Copy link
Powered by Social Snap
Close Bitnami banner
Bitnami