A importância de uma embalagem

A TAP Portugal, através do movimento Voluntários com Asas, doou ao Centro de Apoio ao Sem Abrigo (CASA) o interior do Airbus A319 TTK da TAP, que a plataforma eSolidar leiloou.

Os fundos angariados a favor do CASA, um valor superior a 5000€, irão permitir continuar o trabalho em prol da população Sem-Abrigo e famílias carenciadas.

 

O CASA surgiu informalmente em 2002 quando um grupo de amigos resolveu colmatar as necessidades alimentares severas da população mais carenciada de Lisboa, sendo a partir de 2009 reconhecido como Instituição Particular de Solidariedade Social.

Crescendo gradualmente, graças a uma rede de voluntários e mecenas, o CASA atualmente tem presença ativa em onze cidades do país: Porto, Coimbra, Figueira da Foz, Lisboa, Cascais, Azeitão, Setúbal, Évora, Albufeira, Faro e Funchal. Apesar da realidade local determinar o trabalho realizado, todo este é feito com o único objetivo de colmatar as necessidades mais básicas, de forma humana e digna.

Em Lisboa são distribuídas todos os dias 400 refeições ao longo de cinco rotas fixas, onde a população sabe que pode contar com o CASA. Por outro lado, as famílias apoiadas recebem cabazes alimentares, recebendo acompanhamento para que gradualmente recuperem a sua autonomia alimentar.


 

Como a questão da dignidade humana é um dos pilares fundamentais do trabalho do CASA, as refeições distribuídas diariamente pela população são entregues em embalagens de alumínio fechadas. Esse gesto, aparentemente tão simples, confere maior higiene do que o prato descartável, e sobretudo, dá liberdade à pessoa apoiada de escolher onde toma a refeição, algo particularmente valioso nos dias de Inverno.

Adicionalmente, permite que pessoas que não estejam efetivamente em situação de sem-abrigo, mas que passam por dificuldades, se possam dirigir de forma discreta às equipas de rua e tomar a refeição em casa.

 

Os muitos milhares de embalagens utilizadas anualmente correspondem a uma das maiores despesas fixas do CASA.

O leilão do interior do TTK permitiu garantir os primeiros seis meses de despesas com estas embalagens, contribuindo para servir de forma digna, humana e higiénica a população de Lisboa apoiada pelo CASA.

“À TAP Portugal, aos Voluntários com Asas, à eSolidar, à Go Express, e a todos os que licitaram, o CASA faz a devida vénia e agradecimento por escolherem voar também nesta causa.” ❤